quinta-feira, 14 de janeiro de 2010

Por onde anda o Grupo Abba


Quem viveu nos anos 70 com certeza já dançou ao som de hits como S.O.S, Money, Money, Money, Super Trouper, Waterloo e a clássica Dancing Queen. Muita gente pode até torcer o nariz e dar uma olhada em volta quando algum desses clássicos grudentos e divertidos tocam nas pistas, mas pode ter certeza que depois que a vergonha inicial vai embora, é sucesso garantido.

A banda, que encerrou suas atividades em 1982, começou como um conto de fadas – o vocalista e tecladista Benny Andersson se juntou com o guitarrista e vocalista Bjorn Ulvaeus, e a dupla começou a trabalhar em parceria. Mais tarde, Anderson começou um relacionamento com Agnetha Faltskog, que já fazia sucesso nas paradas da época com o hit I Was So In Love, enquanto que Ulvaeus se envolveu com a também cantora Anni-Frid Lyngstad, também conhecida como Frida. E estava formado o Abba, que baseou seu sucesso exatamente na união das vozes dos quatro integrantes.

O grupo começou a despontar nas paradas quando ganhou o concurso de melhor canção da Eurovision com a música Waterloo. Outros singles de sucesso continuaram a manter o grupo no topo das vendas, como Dancing Queen, Mamma Mia, Knowing Me, Knowing You e The Name of The Game. Mas não podia durar eternamente – os casais se separaram, a dinâmica do grupo deixou de funcionar e o Abba foi oficialmente declarado uma banda do passado.

E por onde andam os integrantes do Abba?

Após se separarem, os casais continuaram no mundo da música. Anni-Frid Lyngstad lançou Something's Going On, seu primeiro álbum solo, produzido por Phil Collins, e continuou a compor outros trabalhos, como Shine, de 1984, e Djupa Andetag, de 1996.

Agnetha Faltskog começou sua carreira solo em 1983 com Can’t Shake Loose, produzido por Mike Chapman. No mesmo ano, lançou o single It's So Nice To Be Rich/P&B, que fez sucesso na Suécia. Posteriormente, a cantora passou a lançar singles eventuais e a se dedicar aos filhos.

Benny Andersson continuou lançando diversos álbuns em carreira solo, e expandiu sua carreira compondo para peças de teatro e filmes. Em setembro, Andersson vai participar, juntamente com Ulvaeu, do Thank You For The Music... A Celebration Of The Music Of Abba, no qual músicos convidados vão interpretar os maiores sucessos da carreira da banda.

Ulvaeus também começou a investir em sua carreira solo, mas seu maior projeto foi o Chess in Concert, que contou com trilha sonora feita por ele e Andersson. Os dois também se reúnem eventualmente para pequenas apresentações, nas quais sempre acabam celebrando a carreira do Abba tocando diversos hits. Ulvaeus (assim como Andersson) também fez uma ponta no musical Mamma Mia!, filme que homenageou o Abba e reinterpretou os maiores sucessos da banda.

Reunião?

O Abba pode ter terminado em 1982, mas os fãs da banda continuam firmes e fortes afirmando que a banda vai se reunir ao menos para uma série de shows. E os rumores realmente quase decretaram a volta da banda – o tablóide inglês The Sun havia informado que o grupo substituiria Michael Jackson nas 50 apresentações agendadas na 02 Arena, em Londres.

Mas durou pouco. No dia 4 de julho, Anderson negou que a banda estaria se reunindo, e pôs fim às esperanças dos fãs.

abba

Para baixar o CD Abba - GOLD_ Greatest Hits clic no link

Baixar

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário

Preencha o formulario abaixo para entrar em contato caso queira postar algo no Blog ou fazer um pedido.

Digite seu Email
Seu Nome
Assunto
Digite sua Mensagem ou Pedido
Image Verification
captcha
Please enter the text from the image:
[ Refresh Image ] [ What's This? ]

Powered byEMF Jaisson-2010